4/15/2012

For Pete's Sake


Se tem uma coisa ruim em viajar é a tal da bagagem. É pesada, é chata de carregar, te atrasa, as vezes ela some e tome dor de cabeça. Mas você tem que levar caso queira que sua viagem seja realmente boa, e quanto maior a viagem, mais bagagem você tem que levar e mais trabalho você tem com elas.

Pois bem, quando você entra num relacionamento, tanto você quanto a outra pessoa carregam consigo uma bagagem, uns tem mais malas e outros menos. Algumas dessas malas são bem difíceis de serem carregadas, e outras mais fáceis. O nome dessa bagagem é passado. Cada um tem seu passado e quando você inventa de se envolver com outra pessoa, além de ter que levar o seu fardo, vai ter que aguentar o do outro também.

Tem o que fazer não, é isso mesmo. A não ser que você opte por mentir, né? Negar tudo aquilo que você precisa para sobreviver a uma viagem, ou seja, renegar o seu passado. Contudo, há aquela premissa que diz que nenhuma mentira perdura para sempre? Então é questão de tempo. E uma coisa é você avisar que há todo um peso para o outro te ajudar a carregar e outra bem diferente é jogar tudo de uma vez nas costas dele, é complicado aguentar assim. E não adianta a outra parte dizer que não vai ajudar, ou ajuda ou não viaja.

O lance é esse, é melhor você ter a plena ciência do passado do outro. Claro, tem passado que é melhor ser evitado mesmo porque ninguém quer relembrá-lo, ninguém precisa levar casaco pra passar o verão na praia. Você dando de cara com todas essas malas, fica mais fácil para saber se você irá aguentar aquilo ou não. Lembrando que ao contrário da alfandega, caso você esteja carregando muito peso, não dá pra simplesmente descartar essas malas. Ou leva, ou abre mão daquilo que você acho ser necessário para você.

Nem todo mundo tem força, e, principalmente, força de vontade suficiente para encarar certos pesos. Nesse caso é melhor ficar em casa mesmo ou ir passear no shopping, é mais leve, mas é mais rápido.

2 Comenta aqui, campeão!:

Luana Oliveira disse... [Responder comentário]

E mais chato também.

Carolina disse... [Responder comentário]

Homem lindo!
Tu parece que vai lendo pensamentos!